Escada em espiral faça você mesmo: para uma casa no segundo andar, desenhos, diagramas, cálculo, design, montagem com instruções passo a passo

click fraud protection

Uma escada em espiral é um eixo em torno do qual os degraus são dispostos em espiral. Pode ser instalado para passagem para o segundo andar ou sótão da casa. Obviamente, o design do parafuso é menos conveniente em comparação com o clássico de marcha, mas parece mais original e tem um tamanho compacto.

É possível montar uma escada em caracol mesmo sem ajuda externa. Isso ajudará as habilidades mínimas de carpintaria e seguindo as instruções passo a passo.

Escada em espiral

O conteúdo do artigo:

  • Quais quartos são adequados para
  • Quais materiais escolher
  • Variações de design
  • Esquemas, cálculos e desenhos
  • Instruções passo a passo para criar
    • Fazendo um pilar
    • Fazendo passos
    • Fazendo balaústres e grades
    • Montando uma escada em caracol

Quais quartos são adequados para

Um sistema de escada em espiral não é apenas um meio de elevação entre andares em casas particulares, mas também um elemento decorativo que pode ser combinado com um estilo e interior específicos da sala. A estrutura parece leve, tem várias vantagens:

  1. originalidade e atratividade. As escadas modernas em espiral são menos comuns do que as de marcha, por isso conferem originalidade ao interior. A forma complexa chama a atenção, graças a ela a decoração da sala fica cara.
    instagram viewer
  2. Compacidade. As escadas em espiral requerem muito menos espaço livre em comparação com as de marcha. Eles não bagunçam o espaço. Esses designs são ideais para salas pequenas.
  3. Lucratividade. Para tal construção, são necessários relativamente poucos materiais de construção. Portanto, uma construção independente acaba sendo bastante orçamentária.

Parafuso compacto escadas para o segundo andar, apesar de sua bela forma e compacidade, são menos comuns que os que marcham. Isso se deve às desvantagens de tais estruturas:

  1. Subida desconfortável. Estruturas de parafuso já estão marchando. Os degraus são afunilados em uma extremidade. Por isso, subir essas escadas é menos conveniente do que as normais, principalmente para crianças e idosos.
  2. Menos rolamento de carga. Em elevadores de parafuso, a parte do rolamento geralmente é apenas a coluna de suporte. Por causa disso, o formato das escadas não é adequado para salas com carga aumentada.
  3. Incapacidade de levantar itens grandes. Devido à compacidade e ao formato torcido das escadas, não será possível trazer móveis montados e outros itens inseparáveis ​​​​de grande porte para o segundo andar.
  4. Menos segurança em comparação com as estruturas de marcha. Isso é facilitado pela subida completa, não para todos a forma conveniente dos degraus, a falta de plataformas.

Se as características descritas não parecem ser um obstáculo à construção de uma escada em caracol, certifique-se de que esta opção é adequada para os fins escolhidos. Degraus torcidos são usados ​​em casas particulares e de campo com fluxos não muito altos para subir ao próximo andar. O edifício também é adequado para acesso ao sótão.

Escadas em espiral não são adequadas para edifícios públicos. Eles devem ser abandonados se for planejado construir uma entrada para o andar superior da rua.

Às vezes, um prédio de parafuso é erguido como um elevador de emergência para o segundo andar. Isso é conveniente nos casos em que a entrada principal está localizada na rua.

Projetos torcidos são adequados para apartamentos de dois andares, que muitas vezes não têm espaço suficiente para estruturas maiores. Com a ajuda de lances de escada, una os espaços de convivência localizados um acima do outro.

Isto é interessante! plataforma giratória faça você mesmo: cálculos, desenhos com instruções passo a passo.

Quais materiais escolher

Conveniência, sombra, custo, durabilidade e complexidade da construção de uma escada em espiral moderna dependem do material de que é feita. Para a fabricação de escadas para o segundo andar, são utilizados os seguintes tipos de matérias-primas:

Material Descrição
Árvore O material mais comum em residências particulares para a construção de escadas em caracol. Os tirantes de madeira parecem elegantes e nobres, parecem orgânicos em qualquer estilo de interior. Diferem em durabilidade, simplicidade de montagem e baixo custo. A capacidade de pintar e reparar rapidamente a estrutura em caso de quebra de alguma peça agrega pontos a esse material. A desvantagem é a baixa resistência a alta umidade, fungos, mofo, bactérias.
Metal  Escadas em espiral de metal são esperançosas e duráveis. Fica bem em estilos modernos e industriais. O design com forjamento artístico se encaixa bem em interiores clássicos. Para a automontagem de tal estrutura metálica, é necessária experiência em soldagem, bem como ferramentas especiais. De alta umidade, o metal fica coberto de ferrugem, se não estivermos falando de aço inoxidável.
Vidro Nessas escadas, os degraus ou corrimãos são feitos de vidro de alta resistência. Para resistência, uma armação de metal é usada. As estruturas de parafuso feitas de material transparente parecem elegantes e leves, expandem visualmente o espaço. Fica bem em interiores ultramodernos. Desvantagens - alto custo, complexidade de auto-instalação, degraus escorregadios.
Concreto As escadas em espiral de concreto parecem monumentais e são adequadas para interiores modernos. Diferem em durabilidade, alta resistência a cargas e fatores ambientais negativos. Porém, é necessário colocar uma escada em caracol de concreto ainda na fase de construção de um prédio. A construção oculta visualmente o espaço livre, é difícil para a automontagem.
pedra natural ou artificial Fica lindo tanto no estilo industrial quanto no romântico. Normalmente eles combinam uma armação de metal e degraus de pedra. O material tem alta resistência ao estresse e à abrasão. Desvantagens - alto custo e complexidade da automontagem.

Cada material tem prós e contras. Algumas falhas são fáceis de corrigir. Por exemplo, para proteger uma árvore da umidade, fungos e bactérias, ela é revestida com verniz, impregnação protetora ou óleo de madeira. A tendência do metal à corrosão pode ser nivelada cobrindo as escadas com tinta.

espécies de madeira

Os elevadores de parafuso são geralmente montados em madeira. Para a construção da estrutura, geralmente são utilizadas as seguintes rochas:

  1. Pinho e abeto. As raças mais orçamentárias são adequadas para a construção de escadas em espiral. Eles se distinguem por um belo tom quente, a capacidade de produzir fitoncidas benéficos para a saúde. Qualidades negativas - a suavidade relativa da madeira e, como resultado, baixa resistência ao desgaste. Com o tempo, essas estruturas perdem sua atratividade, parecem desarrumadas. A opção é adequada se as escadas forem usadas com pouca frequência. Por exemplo, um elevador de pinho pode ser instalado em uma casa de campo.
  2. Larício. Um material caro que é amado por sua bela cor de madeira branca, alta resistência e durabilidade. A raça tem uma alta resistência ao fogo.
  3. Carvalho. Belo material nobre com um padrão pronunciado e uma rica tonalidade escura. É famoso por sua alta resistência, durabilidade e resistência à alta umidade. Escadas em espiral de carvalho são uma opção cara.
  4. Bordo. Bela raça forte com um tom claro. O material absorve lentamente as impregnações, por isso é considerado difícil de processar.
  5. Bétula. Valor ideal para o dinheiro. A raça é forte o suficiente, embora seja inferior ao carvalho. Suporta cargas locais, mantém uma aparência atraente por muito tempo.
  6. Cinzas. Madeira com tonalidade e padrão invulgares. Possui a maior durabilidade das raças apresentadas. Tem medo de umidade, por isso precisa de impregnação à prova de umidade e anti-séptica.
  7. Faia. Atrai um tom claro uniforme sem um padrão de madeira pronunciado. O material é forte e durável. Requer tratamento adicional com impregnações protetoras.

O tipo de madeira para uma escada em caracol deve ser escolhido de acordo com as necessidades pessoais e as capacidades financeiras. A tonalidade desejada da madeira sempre pode ser dada com uma mancha.

Variações de design

Escadas compactas em espiral sempre têm uma forma espiral. Eles diferem em design e forma. Se você observar a descida do último andar, o vão terá a forma de um círculo ou polígono.

Tipos de escadas em espiral em forma:

  1. Espiral. É esta forma que é representada quando falam de uma escada em caracol. Em uma ascensão em espiral, os degraus são dobrados em espirais uniformes ao redor da coluna de sustentação. Além disso, o raio de cada revolução permanece o mesmo. Esta forma parece elegante, ocupa um espaço mínimo, forma uma seção na forma de um círculo regular.
    Espiral
  2. Retangular. As escadas em caracol têm esta forma, que se apoiam simultaneamente no pilar de suporte central e na parede. Graças a dois pontos de apoio, o elevador é capaz de suportar cargas maiores. A opção é adequada apenas para salas com tetos baixos, pois geralmente essas estruturas têm apenas um vão.
    Retangular
  3. Local. Esta é uma estrutura intrincadamente curvada que pode ser em forma de L, U ou S. O raio interno e externo de voltas diferentes não é o mesmo. As escadas em espiral locais parecem originais, mas ocupam muito espaço.
    Local

Ao escolher uma forma, vale a pena confiar não apenas na aparência da escada, mas também na quantidade de espaço livre na sala, bem como na altura do teto.

Os elevadores de parafuso também diferem no método de fixação da estrutura. Existem os seguintes tipos:

  1. Nas paredes e no eixo. Neste caso, o pilar central é instalado próximo à parede. Os degraus são presos de um lado à haste axial e do outro lado à parede. Graças a dois pontos de apoio, a estrutura é confiável.
  2. Montagem do console. Os degraus são montados em uma coluna de suporte axial usando consoles. As paredes não estão envolvidas, então você pode até colocar o elevador no centro da sala.
  3. Corda de arco. Esta é uma maneira incomum de instalar uma escada em espiral moderna. A estrutura é erguida sem um elemento axial. Em vez disso, eles usam uma corda de arco ou kosour curvada em forma de espiral. Degraus são presos a eles, bem como balaústres com grades ou faixas largas de madeira que desempenham o papel de grades. É impossível fazer elementos curvos sem uma ferramenta especial. A montagem de toda a estrutura também é mais complicada do que as estruturas padrão.
  4. Módulos pré-fabricados. Nesse caso, o pilar de sustentação é, por assim dizer, cortado em pedaços, entre os quais os degraus são fixados. Na verdade, as escadas são montadas colocando cada elemento em cima do anterior. Os degraus não encostam na parede. Para a automontagem, essa opção é difícil, embora seja confiável.

A maneira mais fácil de fazer uma escada em espiral com um cantilever. Essa variedade consiste em elementos simples que podem ser encomendados ao mestre ou feitos de forma independente.

Você vai adorar! Escada de metal para o segundo andar: tipos, fabricação, montagem e instalação.

Esquemas, cálculos e desenhos

A etapa mais importante na fabricação de uma escada em caracol com as próprias mãos é o cálculo de suas dimensões e a elaboração de desenhos. A aparência, confiabilidade e durabilidade da estrutura acabada dependem de quão corretamente o esquema é feito.

Para fazer cálculos, você precisa conhecer os principais detalhes da escada em caracol.

os principais detalhes da escada em caracol

Isso consiste de:

  1. Eixo. Este é o pilar central de sustentação ao qual estão ligados os degraus da escada em caracol. A carga principal é colocada sobre ela, de modo que esta peça é espessa o suficiente, com material de alta qualidade.
  2. Passos. Anexado a um poste de parafuso. Eles consistem na parte principal (tread) e no riser, que conecta os elementos adjacentes entre si. Em alguns projetos, o riser está faltando.
  3. Balaústres. Trilhos são anexados a esses elementos. Nas escadas em espiral, os balaústres combinam os degraus em uma única estrutura.
  4. Corrimão. Montado no topo dos balaústres. A forma da subida deve colocar a forma de uma escada de rifle.
  5. Plinto. Nem sempre usado. O elemento é uma faixa larga que repete a curva da escada. Anexe esta parte aos degraus e à base dos balaústres. Esta adição aumenta a resistência da estrutura.

Às vezes, uma larga prancha de madeira é presa à extremidade externa dos degraus, repetindo a curva da escada. Pode ser a base dos balaústres ou substituir totalmente o corrimão.

Para fazer um diagrama de uma escada em caracol, você pode usar uma calculadora online ou entrar em contato com uma empresa que lida com cálculos e desenhos. No segundo caso, nem precisa tirar medidas, já que os especialistas costumam trabalhar com visitas domiciliares.

Claro, você mesmo pode fazer um desenho. É importante considerar as recomendações comuns a tais instalações:

  1. Para facilitar a subida das escadas, mas o design permanece bastante compacto, sua largura é de 70 a 100 cm.
  2. A inclinação ideal para um elevador de parafuso é de 45 graus. Uma escada mais íngreme não é segura. Um ângulo menor é conveniente, mas ocupa uma grande área.
  3. Uma volta da escada cabe de 11 a 12 degraus.
  4. A altura das bobinas interpiso é calculada levando em consideração o crescimento do morador mais alto da casa + 10-20 cm. Caso contrário, a pessoa terá que se abaixar ao levantar, o que reduzirá a segurança e a comodidade.
  5. Para tornar o sistema de parafuso de escada confiável, a espessura do eixo do suporte de metal deve ser de pelo menos 5 cm e o diâmetro do suporte de outros materiais deve ser de 15 cm.
  6. Para produtos de parafuso, o tamanho mais conveniente para os degraus de elevação é de 15 a 20 graus.

Para colocar um desenho no papel e descobrir as dimensões dos principais elementos de uma estrutura de parafuso, vários cálculos são feitos. Primeiro, o diâmetro total do elevador do parafuso é encontrado adicionando o diâmetro do eixo central à largura dobrada da abertura. O círculo resultante é transferido para o papel em uma escala de 1:10.

O círculo resultante é transferido para o papel em uma escala de 1:10

Dentro desse círculo, outro círculo é desenhado, indicando a trajetória do movimento da pessoa. Para determinar seu raio, divida pela metade a soma do raio da coluna axial e a largura do elevador.

Para calcular o número de passos em uma volta completa, é necessário multiplicar por 2 e pelo número π (3,14) o raio do círculo da trajetória do movimento da pessoa. O resultado é dividido pela largura média do passo (geralmente 25 cm). Se o número não for um número inteiro, ele será arredondado para cima.

Para calcular o número total de degraus, divida a altura do vão helicoidal do piso do primeiro andar ao piso do segundo pela altura de um degrau.

Para calcular o número de revoluções de uma estrutura de parafuso, o número total de etapas é dividido pelo número de etapas em uma revolução.

Isso é útil! Como escolher e instalar lindos corrimãos para escadas em uma casa particular.

Instruções passo a passo para criar

É mais difícil construir uma escada em espiral do que uma escada em marcha, por causa dos degraus estreitos de um lado. Dificuldades podem surgir devido ao guarda-corpo, que deve acompanhar a curvatura da estrutura. Portanto, será mais conveniente fazer todos os elementos sob encomenda e depois montar a estrutura.

Você mesmo pode fazer todos os detalhes. Para fazer isso, você precisa de habilidades de carpintaria e uma ferramenta especial.

Fazendo um pilar

O poste de suporte na estrutura do parafuso também funciona como um eixo central. É importante que seja forte e confiável.

Para uma estrutura de madeira, um rack de madeira é adequado. Seu diâmetro está dentro de 15-30 cm. É conveniente anexar degraus a esse material com cantos de metal.

A cremalheira pode ter uma seção redonda, quadrada ou poligonal. É importante prendê-lo com segurança por cima e por baixo. Para isso, além de fixadores confiáveis, são feitos recessos para apoio no piso e no teto.

Fazendo um pilar

A coluna de suporte é feita de metal, concreto ou alvenaria. Para fixar os degraus, acoplamentos ou parafusos são fixados no eixo central.

Fazendo passos

Os degraus de uma escada em espiral devem ser estáveis ​​\u200b\u200be duráveis, pois estão sujeitos a uma carga significativa. Ao montar peças, é importante considerar as seguintes nuances:

  1. A espessura dos degraus deve ser de pelo menos 5 cm, desde que as escadas não ultrapassem 2 m. Para subidas mais altas, a espessura mínima dos degraus é de 6 cm.
  2. Para degraus, é importante escolher madeira já aplainada e uniformemente seca. Se o material secar de forma desigual, o degrau se deformará durante a operação. Por causa disso, toda a estrutura vai deformar, perder força.

Muitas vezes, a madeira colada é escolhida para a fabricação de degraus. Os painéis podem ser colados independentemente das barras de madeira.

Para tornar todos os elementos iguais, um modelo de etapa é feito de acordo com os tamanhos planejados anteriormente. É recortado em papelão ou papel grosso.

Fazendo passos

As etapas são cortadas de acordo com o modelo. Se os elementos tiverem orifícios para o poste de suporte, é necessário cortá-los de acordo com um estêncil pré-preparado.

O degrau superior é geralmente muito maior. Precisa de um estêncil separado.

As etapas de corte são processadas manualmente ou em uma máquina especial. Eles são polidos e as bordas são arredondadas.

Nas etapas, os sulcos são pré-perfurados para balaústres. Esses orifícios tornam as conexões mais confiáveis.

Fazendo balaústres e grades

Tradicionalmente, os balaústres são de forma cilíndrica com elementos diferentes ou curvos. Para criar esses elementos, você precisará de um torno e das habilidades para trabalhar nele. Portanto, é mais fácil comprar suportes de guarda-corpo prontos.

Claro, você pode fazer balaústres de uma barra quadrada. No entanto, esses elevadores parecem menos esteticamente agradáveis.

Os postes finais são de apoio. Eles estão sob pressão crescente. Portanto, eles recebem uma forma que fixam simultaneamente duas etapas adjacentes. Isso dá rigidez adicional à estrutura.

O tamanho dos balaústres deve ser tal que seja conveniente para uma pessoa de estatura média se segurar no corrimão. Isso é cerca de 120-130 cm.

Dependendo do método de montagem, pode ser necessário furar ranhuras ou «chaves» na parte inferior dos balaústres. Essa configuração resultará em uma conexão mais confiável.

Fazendo balaústres e grades

Os corrimãos para escadas em espiral têm uma forma curva. Você pode fazer esse corrimão de uma das três maneiras:

  1. O corrimão da forma desejada é montado a partir de peças cortadas em madeira maciça.
  2. Os trilhos são cortados de pedaços de madeira colados. Nesse caso, elementos individuais são montados em uma única estrutura.
  3. Os trilhos são colados com folheado de madeira fino. Anteriormente, os elementos são dobrados, dando-lhes a forma desejada.

Para a fabricação de guarda-corpos, você precisará não apenas de um torno, mas também de equipamentos para dar ao elemento a forma desejada e fixá-lo em uma determinada posição. Se as habilidades e equipamentos necessários não estiverem disponíveis, é melhor entrar em contato com o mestre. O especialista fará as medições necessárias, determinará a curva, fará o corrimão e o pedestal.

Você pode solicitar um produto acabado, que só será montado de acordo com as instruções e instalado. Essa opção, claro, exige muito mais dinheiro, mas não leva muito tempo.

Montando uma escada em caracol

Em primeiro lugar, ao instalar as escadas, escolha o local de instalação do eixo central. Se os degraus forem fixados apenas no poste de suporte, esse elemento deve ficar distante da parede. Ao fixar a estrutura no poste e na parede, a largura dos degraus é levada em consideração.

No teto, no local selecionado, desenhe e recorte um círculo igual ao diâmetro do elevador do parafuso. A abertura é imediatamente decorada com materiais de acabamento.

No centro da abertura, uma suspensão é presa ao teto, que é rebaixada até o chão. Um elemento axial é instalado no ponto obtido.

Para uma instalação rápida e fácil de uma escada em espiral segura, as barras são fixadas em um rack de madeira, cuja altura é igual à distância entre os degraus. As barras são colocadas verticalmente. O diâmetro da seção transversal ideal dos elementos é de 5 cm. Para o primeiro estágio, este parâmetro pode ser maior.

Além das barras, são utilizados fixadores de metal prontos. Podem ser cantos, parafusos com bolas, fechos ocultos.

Os degraus são fixados nas barras com parafusos autorroscantes. A montagem é melhor feita antes de instalar a coluna axial. Uma coluna de suporte com degraus é instalada, fixando com segurança a estrutura por cima e por baixo.

O próximo passo é a instalação dos balaústres. Os balaústres são colocados nas ranhuras preparadas para eles, mas não fixos. Primeiro, é feita uma marcação para cortar em ângulo a parte superior dos elementos.

Após aparar os balaústres, eles são fixados. Recomenda-se fazer isso com parafusos auto-roscantes e cola.

Um corrimão é preso aos balaústres com parafusos autorroscantes. Para aumentar a resistência e a segurança da elevação interpiso, um pedestal largo é instalado na parte inferior do corrimão.

Um corrimão é preso aos balaústres com parafusos autorroscantes.

A escada acabada é coberta com várias camadas de tinta e verniz. Cada nova camada é aplicada quando a anterior seca. Se desejado, a estrutura pode ser pintada ou manchada e depois envernizada.

Uma escada em espiral interpiso é um design bonito e compacto, ideal para instalação em uma casa de campo e em pequenas casas particulares. Porém, a fabricação de seus elementos, bem como sua instalação, é muito mais difícil do que no caso de estruturas de marcha. Portanto, se não houver habilidade nesse trabalho, é melhor recorrer a profissionais ou escolher um elevador de forma clássica.

Você mesmo instalou uma escada em espiral? Compartilhe sua experiência. Para não perder o artigo, salve-o em seus favoritos ou reposte-o nas redes sociais.

Princípios de arranjo de esgoto silencioso

Princípios de arranjo de esgoto silenciosoOutro

Um nível significativo de desconforto é criado pelo ruído. E não é de todo necessário que os ruídos sejam pronunciados. Mesmo sons silenciosos, mas constantes, por exemplo, o fluxo de água nos can...

Consulte Mais Informação
Tipos e marcação de tubos de polipropileno para aquecimento

Tipos e marcação de tubos de polipropileno para aquecimentoOutro

Para a construção de sistemas de comunicação necessários para o aquecimento do ar em espaços residenciais e de escritórios, é utilizada uma variedade de materiais. É necessário considerar cuidados...

Consulte Mais Informação
Limpeza da chaminé da fuligem: métodos e meios para limpar o tubo

Limpeza da chaminé da fuligem: métodos e meios para limpar o tuboOutro

Dispositivos de aquecimento que usam madeira ou outros combustíveis sólidos requerem limpeza periódica. Depósitos nas paredes da chaminé são perigosos não só estreitando os canais, colapsando e bl...

Consulte Mais Informação
Instagram story viewer